1922 – a Semana Que Nao Terminou



  • Descrição
  • Informação adicional

Descrição

Numa narrativa fluente, elegante e crítica, que mescla linguagem jornalística e relato histórico, o jornalista Marcos Augusto Gonçalves dá vida aos personagens e descreve as famosas jornadas que animaram o Teatro Municipal nos dias 13, 15 e 17 de fevereiro de 1922, durante o festival que ficou conhecido como Semana de Arte Moderna. Ao mesmo tempo em que reconstitui passo a passo o evento, o autor despe o episódio de mitos que o foram cercando ao longo do tempo: desde certas fantasias triunfalistas associadas a uma espécie de superioridade paulista na formação da cultura moderna brasileira, até as versões que, ao contrário, insistem em diminuir a importância histórica dos festivais encenados pelos rapazes modernistas e patrocinados pela elite econômica da emergente Pauliceia.

Informação adicional

Peso 0.43 kg
Medidas 1.90 × 13 × 21 cm
Editora

Nº de Páginas

340

I.S.B.N

9788535920284

Número da Edição

01ED/2012

Acabamento

brochura

Lançamento

30/12/1899

Autor(es)